NOTÍCIAS
POD e ConectaDel selecionam projetos que serão cofinanciados

O Programa Oeste em Desenvolvimento (POD) e o Programa Regional de Formação para o Desenvolvimento Econômico Local com Inclusão Social para o Brasil (ConectaDEL) divulgaram nesta quarta-feira (27) os sete projetos que receberão co-financiamento – recursos não reembolsáveis - para implementação das propostas. Eles passaram por uma banca de especialista que avaliou se as propostas tinham como objetivo contribuir com o desenvolvimento do território.
“Cada projeto custará cerca de R$ 100 mil. Para os sete, repassaremos R$ 316 mil e R$ 340 mil serão a contrapartida das entidades proponentes. Essa era a regra. As propostas deveriam ser de cooperação”, explicou Jonhey Nazario Lucizani, gerente de Desenvolvimento Territorial do Parque Tecnológico Itaipu (PTI).
Os projetos foram elaborados durante o curso “Promotores em Desenvolvimento Territorial”.
A capacitação começou em maio e os projetos foram protocolados no início de agosto. No dia 11 de outubro, durante Fórum de Desenvolvimento Econômico do Território Oeste do Paraná, em Medianeira, serão firmadas as parcerias.
Centro tecnológico
Um dos projetos selecionados foi o que prevê a criação do Centro de Inovação Tecnológica no município de Assis Chateaubriand (CitAC), com foco em soluções de software, sistemas embarcados e robótica. Inicialmente o Centro beneficiará 16 pesquisadores e oito empresas. Espera-se também treinar pelo menos 80 pessoas e estimular 500 pessoas através de feiras e seminários. “Para nós é um sonho. Esse projeto é resultado de muitas conversas entre instituições de pesquisa e o município. Ele dará condições aos estudantes, pesquisadores e empresas locais desenvolverem suas ideias e trazer riqueza para o município”, disse o responsável pelo projeto, Rafael Bartz. A implantação do CitAC custará R$ 107,7 mil. Do valor, R$ 43 mil serão repassados pelo POD e ConectaDel.
Projetos aprovados
- Implantação de um Centro de Inovação Tecnológica no município de Assis Chateaubriand (CitAC);
- Criação de um Espaço Empreendedor e de Inovação: ambiente dinâmico e criativo para aprender fazendo, que será desenvolvimento em Palotina;
- Qualificação para técnicos e agricultores da região Oeste do Paraná em carcinicultura de água doce, no município de  Assis Chateaubriand;
- Implantação do Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária – SUASA, em Pato Bragado;
- Elaboração de diagnóstico econômico-produtivo do município de Matelândia e construção de planos de ação para o desenvolvimento local;
- Desenvolvimento do turismo rural regional no Oeste do Paraná, nos municípios de Ubiratã, Cascavel e Guaraniaçu
- Arranjo produtivo local - beneficiamento de frutas como vetor de desenvolvimento socioeconômico de produtores rurais, Umuarama – PR
A capacitação
O curso de “Promotores em Desenvolvimento Territorial” foi dividido em cinco etapas, com aulas quinzenais em quatro municípios da região: Assis Chateubriand, Medianeira, Marechal Cândido Rondon e Cascavel.
No período, debateram temas como governança e desenvolvimento territorial; fortalecimento das capacidades para o processo de desenvolvimento territorial; elaboração e estruturação de projetos em Desenvolvimento Econômico Local (DEL); e estratégias para o desenvolvimento econômico local.
Ao todo foram capacitados 83 alunos, incluindo lideranças empresariais, representantes de cooperativas, pesquisadores e gestores municipais do Oeste do Paraná.
Os certificados serão emitidos em parceria com a Universidade Federal da Integração Latino-Americana (Unila).