NOTÍCIAS
ENCONTRO DE POLÍTICAS PÚBLICAS REÚNE GESTORES MUNICIPAIS, EMPRESÁRIOS E LIDERANÇAS

Evento abordou temas como Inovação, Educação, Crédito, Compras Públicas, Simplificação e Associativismo

Com o objetivo de debater políticas públicas e desenvolver o ambiente de negócios para micro e pequenas empresas, gestores públicos, secretários, agentes de desenvolvimento e líderes empresarias  se reuniram em Cascavel, nesta quinta-feira (08),  para o 4º Encontro Regional de Políticas Públicas do Oeste e Cantuquiriguaçu e o Encontro Regional de Comitês Gestores Municipais e Comitês Territoriais dos Pequenos Negócios
O evento, realizado pelo Sebrae/PR em parceria com o Programa Oeste em Desenvolvimento (POD), Coordenadoria das Associações Comerciais e Empresariais do Oeste do Paraná (Caciopar) e Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (Amop), abordou conteúdos como inovação, compras públicas, crédito, educação, simplificação e associativismo.
“Estamos discutindo quais são as possibilidades que existem para melhorar o ambiente de negócios dos nossos municípios e, depois, mobilizar mudanças e iniciativas que consolidem essas proposições”, ressaltou o gerente da Regional Oeste do Sebrae/PR, Augusto Stein.
O diretor de operações do Sebrae/PR, Julio Cezar Agostini, que ministrou a palestra “Inovação como estratégia para o desenvolvimento territorial”, lembrou que a pauta existe há muito tempo, mas agora, envolve novas abordagens a fim de promover este cenário.
“Este encontro diz respeito a inspirar os territórios a adentrarem na nova economia, que é a indústria da inovação. Isso passa pelo fomento às startups, incentivos para o aumento de empresas inovadoras e maior facilidade do acesso a crédito para que possam alavancar os seus negócios. A mudança é mais cultural do que tecnológica”, apontou Agostini.
Sobre o assunto, um dos cases apresentados foi do município de Palotina, que criou uma incubadora municipal com foco em inovação. Com a estrutura pronta, a secretária de Indústria, Comércio e Turismo da cidade, Rosane Maria Kaiber, relata que o desafio é provocar interesse nas atividades desenvolvidas no espaço.
“Percebemos que a cultura é, realmente, um fator decisivo. Palotina já tem essa estrutura inovadora, com trabalho focado no desenvolvimento de novos empreendimentos. Mas, enquanto gestores, precisamos fomentar a vocação empreendedora e inovadora do município”, destacou Rosane.
Empresário e diretor de uma incorporadora e construtora de Laranjeiras do Sul, Gilberto Heinzen, considera as políticas públicas determinantes para o crescimento das empresas locais.
“As políticas públicas impactam diretamente na vida dos empreendedores, pois com elas, gera-se um crescimento endógeno, de dentro pra fora. Esperamos que o desenvolvimento local ocorra dentro das cidades para, depois, expandir. Portanto, o trabalho desenhado aqui provoca e alimenta a implementação de ações que possam dar resultados efetivos para as empresas, promovendo o crescimento e melhorando o ambiente de negócios da região”, declara.
Para que isso ocorra, a transversalidade e engajamento dos atores de cada ecossistema nas ações municipais foram apontados como possíveis caminhos rumo ao desenvolvimento. Dessa forma, a secretária de Desenvolvimento Econômico, Turismo, Renda e Inovação do município de Bauru/SP, Aline Fagolin, compartilhou algumas das experiências vividas durante este processo.
“O primeiro desafio é identificar quais são os pontos fortes. São esses indicadores que vão nortear o planejamento municipal. Sem dados, não fazemos política pública. Portanto, é importante entender que um município é feito por várias forças que podem fazer a diferença não só no aspecto econômico, mas no social e, a partir da união entre poder público e sociedade, desenvolver ações práticas que realmente gerem efeitos na comunidade”, enaltece a secretária.
O evento reuniu mais de 200 pessoas e também contou com a apresentação das ações do Fórum Permanente das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Estado do Paraná (Fopeme), além de discussões sobre inovação; compras públicas; crédito, aportes e juros subsidiados; educação empreendedora; simplificação e associativismo. Durante o Encontro, também foi realizado o encerramento oficial do Programa Secretários 4.0. e o lançamento da Rede Secretários, uma plataforma que irá conectar os secretários municipais a fim de oportunizar a troca de experiências e o networking entre os gestores.

 

Por: Redação SEBRAE/PR